O surpreendente Vale do Catimbau

Por Veron Campos - 23/02/2020

Descubra os encantos do Parque Nacional do Vale do Catimbau, uma das maravilhas naturais de Pernambuco. Cânions, formações rochosas e vales de tirar o fôlego valem a escapada da capital Recife.

Cânions deslumbrantes, intrigantes formações rochosas, chapadões com cerca de mil metros e vales a perder de vista resumem algumas das belezas naturais do Vale do Catimbau, no Agreste de Pernambuco. Ainda pouco conhecida e explorada pelos brasileiros, a região é um oásis para o ecoturismo e trilhas, que levam a formações geológicas únicas, sítios arqueológicos milenares e mirantes de tirar o fôlego. À beira do Sertão e transformado em Parque Nacional em 2002, o Vale do Catimbau é repleto de lugares mágicos, como a Trilha das Torres, que convida à contemplação e que garante fotos perfeitas.

Intrigantes formações rochosas são um dos motivos para conhecer o Vale do Catimbau (Imagem: Veron Campos)

Localização

Localizado a cerca de 283 quilômetros de Recife (aproximadamente 3 horas e meia de carro), o Vale do Catimbau é a mais impressionante unidade de conservação do bioma Caatinga no Estado de Pernambuco, seja pela notável extensão de 62.294 hectares, seja pela paisagem monumental, que arranca suspiros. O parque está situado na região do semi-árido e se estende pelos pequenos municípios de Tupanatinga, Ibimirim e Buíque. Embora tenha sido alçado à condição de Parque Nacional pelo IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente), em 2002, mantém uma estrutura modesta para fins de exploração turística, o que lhe confere (ainda) o status de paraíso “desconhecido” do grande público.

Vista dos imensos paredões de arenito típicos do Vale do Catimbau (Imagem: Veron Campos)

Sobre o Parque Nacional Vale do Catimbau  

Considerado pela Unesco como Reserva da Biosfera da Caatinga, o Parque Nacional do Vale do Catimbau foi criado para preservar os ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica. Por lá, predominam as chapadas (ou chapadões) formador por arenito, que não dá vontade de parar de contemplar. A beleza cênica da morfologia é revelada pelos incríveis paredões de arenito e pelas formações rochosas esculpidas pela ação erosiva dos ventos. Além disso, a área do parque possui diversos sítios arqueológicos, sendo que alguns datam de cerca de 6 mil anos e revelam a fascinante pré-história da região. Inclusive, as inscrições e pinturas rupestres sobre as rochas, transformou o Vale do Catimbau em patrimônio arqueológico pelo IPHAN. Na mesma região é possível, inclusive, observar ambientes distintos, como, por exemplo, Caatinga, Vegetação Rupestre e a Floresta Estacional.

No Vale do Catimbau, incríveis formações de arenito, como o Morro do Cachorro, se estendem pelo vale (Imagem: Veron Campos)

Principais trilhas do Vale do Catimbau

Encostas abruptas e vales abertos, paredões que se distribuem ao longo de todo o parque e formações geológicas que foram trabalhadas ao longo de milhares de anos pela erosão. Os cenários exuberantes estão lá para serem descobertos por meio de mais de dez trilhas, a maioria com baixo grau de dificuldade. Entre elas estão a Trilha das Torres e a Trilha dos Lapiais, que juntas somam quase cinco quilômetros de extensão, e de onde é possível avistar um dos cartões-postais do vale, a Pedra do Cachorro. Há também a Trilha da Igrejinha (uma das mais fáceis onde se destaca a curiosa formação rochosa que chama a atenção pela fenda no meio), a Trilha dos homens sem cabeça com pinturas rupestres, a Trilha do Chapadão, entre outras.

A entrada para a Trilha das Torres (Imagem: Veron Campos)

Como ir ao Vale do Catimbau?

Os passeios partem de Recife, com agências como a Vem De Andada, que dispõe de estrutura completa e condutores e guias bem treinados. A experiência (que custa em média R$ 360,00) inclui o transporte de ida e volta, hospedagem com café-da-manhã no Hotel Cruzeiro, em Arcoverde, acesso ao vale e as principais trilhas.

*Texto e fotos por Veron Campos

Posts relacionados

Porto de Galinhas promove 1ª edição do Visit.Pernambuco – Travel Show.

Sheraton Reserva do Paiva tem programação especial para feriados

Futebol e boa gastronomia no Sheraton Reserva do Paiva

Comente pelo Facebook